Micropigmentação fio a fio realça as sobrancelhas com efeito natural

Leia o nosso texto abaixo e confira tudo sobre Micropigmentação fio a fio!
Anúncio

Existem certos momentos em que dar uma mudada no visual se faz necessário, principalmente no finalzinho do ano, quando sentimos aquela necessidade de se renovar para o ano seguinte.

Exatamente por conta disso que a Micropigmentação fio a fio está tão em alta e muitas mulheres estão investindo nesse procedimento, afinal como muitas pessoas falam, a sobrancelha é a maquiagem natural do rosto. Ao longo deste texto, iremos explicar mais sobre como funciona este procedimento e quais os valores envolvidos.

O que é e como funciona a micropigmentação fio a fio?

Você já deve ter visto alguns preenchimentos de sobrancelhas mais antigos, que utilizavam muita pigmentação e não deixavam a sobrancelha com um efeito natural; bom, isso é coisa do passado, pois a micropigmentação fio a fio não poderia ser mais moderna.

O processo funciona pensando estrategicamente no rosto da cliente e, claro, analisando tanto a coloração da pele quanto do pêlo, de forma que tudo fique o mais natural possível e, como estamos falando de uma micropigmentação fio a fio, ela será feita fio por fio, utilizando um demógrafo, para todos os fios ficarem o mais finos possíveis e se mesclarem com os fios naturais.

Na técnica, o preenchimento é feito diretamente na epiderme, a camada mais superficial da pele e, apesar de parecer doloroso, ele é feito completamente com anestesia e dói menos do que fazer uma tatuagem (apesar de termos feito essa comparação, não se confunda, pois a micropigmentação não é uma tatuagem).

Cicatrização

Muitas pessoas acabam se preocupando com o período após a realização do procedimento, afinal, ele invade a pele e pode ser considerado levemente invasivo, por isso algumas medidas são mais do que necessárias para que tudo fique perfeito.

  • Não molhe: é importante não molhar a região nos primeiros dias na região que foi micropigmentada, pois isso pode atrapalhar o processo de cicatrização e deixar o desenho com falhas;
  • Evite contato com o sol: a pele fica muito sensível após a realização do procedimento e a exposição ao sol pode piorar o local e lhe deixar com muita dor;
  • Não puxe as peles: é comum que procedimentos deste tipo descasquem um pouco a pele durante o processo de cicatrização, mas apesar da coceira ser constante, não é recomendado que você puxe as peles que estão soltando, pois isso irá atrapalhar a cicatrização.

Estas são apenas algumas recomendações para o processo de cicatrização, mas tudo o que deverá ser feito será repassado pela sua esteticista para que não haja problemas durante o processo a fim do retoque não ser necessário.

Valores da micropigmentação

Finalmente chegamos ao tópico mais esperado, referente aos valores cobrados nas micropigmentações e, devemos ressaltar, este é um investimento que deverá ser dividido pelo tempo durável da micropigmentação, que é de 6 meses a 1 ano.

Em média, a micropigmentação custa R$ 1 mil, mas pode variar de região para região, de acordo com a oferta e demanda e, também, da esteticista que está realizando o serviço, pois quanto mais cursos de especialização, maior o valor cobrado.

Além disso, existem condições de pagamento e parcelamento disponíveis dependendo do local onde você for, então não se preocupe em ficar juntando o dinheiro para conseguir pagar a sua micropigmentação.

Contraindicações

Sempre existem alguns cuidados a serem tomadas antes de uma micropigmentação ser realizada, afinal é um procedimento que invade a sua pele e requer cuidados durante a cicatrização, pois ele não é indicado para todas as pessoas.

Segundo as informações que encontramos, grávidas e pessoas que possuam doenças autoimunes precisam de liberação médica para realizar o procedimento, visto que, apesar de estarmos falando de um procedimento com agulhas novas e tudo esterelizado, ainda assim o seu sistema imune estará gastando energia durante o processo de cicatrização.

Fora esses grupos, o procedimento não possui idade mínima para ser realizado (menores de idade desde que com autorização do responsável), além disso, será uma forma de realmente mudar o formato do rosto, trazendo mais autoestima.

Esperamos que esse texto tenha sido informativo o suficiente sobre o procedimento de micropigmentação fio a fio e que caso você tivesse dúvidas antes de realizar o procedimento, que agora elas tenham sido sanadas e que você possa renovar o visual de forma mais tranquila.

Últimos Artigos

Procurando Curso

0